Programa Na Mão Certa - Mobilização Regional Pernambuco

Camargo Corrêa e Gerdau dão exemplo de compromisso com o Programa

Atuantes em todo o Brasil, Camargo Corrêa e Gerdau estão servindo como modelo de empresas engajadas com o enfrentamento da exploração sexual de crianças e adolescentes nas estradas em Pernambuco. Signatárias do Pacto Empresarial Contra a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes nas Rodovias Brasileiras e apoiadoras do Programa Na Mão Certa, as empresas estão entre as maiores em operação no estado, e lideram, também, a mobilização de suas cadeias produtivas.

A Camargo Corrêa realiza ações relacionadas ao Programa Na Mão Certa em duas frentes: no envolvimento de fornecedores e na adequação às grandes obras realizadas. Entre seus fornecedores, a empresa promove constantes encontros para falar sobre o Programa e auxiliar no enfrentamento da exploração sexual de crianças e adolescentes em toda a sua cadeia produtiva. Desde 2008, quando assinou o Pacto Empresarial, o setor de construção da empresa divulga o Programa e incentiva que todos seus fornecedores também assumam o compromisso do enfrentamento.

Para complementar suas ações, a Camargo Corrêa vem fomentando estudos para adequar os princípios do Programa Na Mão Certa a suas grandes obras em andamento. Desde fevereiro um projeto piloto vem sendo realizado na construção da Usina Hidrelétrica de Jirau, em Porto Velho (RO). Desde então, a empresa promove palestras de sensibilização e capacitação de multiplicadores na obra, realiza pesquisa do perfil de seus profissionais e busca o envolvimento de sua cadeia de valor para replicar o programa em suas unidades. Complementarmente, a empresa também busca o fortalecimento das redes de proteção da criança e do adolescente na cidade e apóia projetos existentes na região. A partir deste piloto, a empresa pretende usar este modelo em todas as grandes obras realizadas.

O Grupo Gerdau integra mais de 100 projetos sociais em todo o Brasil. Entre os objetivos da empresa está a parceria com o setor público, entidades assistenciais e sociedade para o desenvolvimento das comunidades onde opera. Signatária do Pacto Empresarial há dois anos e meio, a Gerdau já envolveu mais de 40 mil caminhoneiros em suas ações de mobilização e formação de motoristas para que sejam agentes de proteção dos direitos da infância e da adolescência.

Como forma de implantar ações relacionadas ao Programa Na Mão Certa entre todos os seus colaboradores, a Gerdau divulga o Programa em seus boletins internos e oferece treinamento especial sobre o assunto aos funcionários relacionados à área de logística. A empresa realiza treinamentos periódicos, oficinas e palestras a todos os motoristas que trabalham, direta e indiretamente, com o Grupo. A Gerdau incluiu, ainda, uma cláusula específica em seus contratos com transportadoras, exigindo que sua cadeia produtiva atue de forma socialmente responsável, sem violação dos direitos da infância e da adolescência em qualquer de seus elos.

 

  Leia também  

Programa Na Mão Certa inicia articulação em Pernambuco
Setor empresarial é mobilizado no Estado
Faça a diferença para o futuro das crianças e adolescentes pernambucanos
De olho no assunto - resumo das principais notícias

 

Voltar