Programa Na Mão Certa

Gerdau implanta novas ações de sensibilização

A Gerdau deu mais um importante passo no enfrentamento da exploração sexual de crianças e adolescentes nas estradas. Após um teste piloto em Recife, a empresa se prepara para aplicar, em todas as notas fiscais emitidas pela empresa, uma das frases do Programa Na Mão Certa “Vamos acabar com a exploração sexual de crianças e adolescentes nas estradas.”

O ponto forte da implantação desta campanha nas notas fiscais é que essa é uma forma de atingir rapidamente todos os stakeholders da empresa, por exemplo: caminhoneiros, empresas de transporte, fiscais, policiais rodoviários, clientes. “É uma mensagem rápida, que passa pela mão de muita gente e que mantém a lembrança de que temos um importante papel no enfrentamento do problema”, informa Danilo Farias de Moraes, responsável pelo Programa Na Mão Certa na Gerdau Açonorte, empresa localizada em Recife e que serviu de piloto para o projeto.

Após o piloto em Recife, o projeto seguiu para uma nova etapa: “Estamos agora implantando a mensagem nas notas fiscais da Gerdau Cosipa, no Rio de Janeiro. São 10 mil notas fiscais emitidas por mês. Todas terão a mensagem”, informa Danilo.

A Gerdau é líder na produção de aços longos nas Américas. A empresa atua em diversos países da América do Sul, no México, nos Estados Unidos, no Canadá e em diversos outros países. Te uma capacidade instalada de 26 milhões de toneladas de aço por ano. Fornece matéria prima para os setores da construção civil, indústria e agropecuária.

 

  Leia também  

Encontro do Programa Na Mão Certa em Campinas
Porto do Recife planeja ações de enfrentamento
Não bata, eduque
Compromissos e ações: apoiar projetos de reintegração social
De olho no assunto - resumo das principais notícias

 

Voltar