Programa Na Mão Certa

Programa Na Mão Certa lança indicadores

No segundo semestre de 2008 o Programa Na Mão Certa lançou o Manual de Indicadores, ação que constitui uma das bases fundamentais para o sucesso de implementação e acompanhamento dos investimentos feitos pelas empresas e demais organizações empenhadas no enfrentamento da exploração sexual de crianças e adolescentes nas rodovias brasileiras. Com o objetivo de mensurar e dar o acompanhamento adequado a cada uma das ações planejadas e postas em prática, o Manual de Indicadores está disponível a todas as instituições que já assumiram publicamente o compromisso com o Pacto Empresarial Contra a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes nas Rodovias Brasileiras.

Através dos indicadores, empresas e organizações signatárias podem construir planos de ação, definir metas e acompanhar as iniciativas em sintonia com os objetivos e expectativas do Programa Na Mão Certa. Ou seja, ao adotar os indicadores sugeridos, cada signatária pode planejar ações com mais objetividade, identificando quantos itens do Pacto Empresarial serão contemplados na execução da ação, os objetivos a serem alcançados e as formas mais eficazes para medir os resultados.

O conjunto de indicadores também permite o monitoramento das ações por parte do Programa Na Mão Certa , que irá trabalhar os dados e elaborar relatórios confidenciais e consolidados para o conhecimento das organizações. “Com as informações enviadas ao longo do ano, nosso objetivo é avaliar quantas iniciativas deram certo, os caminhos onde erramos e os pontos onde avançamos” explica Carolina Padilha, coordenadora do Programa Na Mão Certa. Segundo ela, os indicadores representam uma maneira eficiente de prestar contas tanto para a sociedade quanto para as outras empresas que assinaram o Pacto. “Além da avaliação, os indicadores devem ser vistos como uma ferramenta que pode facilitar a sistematização das iniciativas, a troca de experiência e inspirar outros a se engajarem no enfrentamento da exploração sexual de crianças e adolescentes”, completa Carolina.

Os indicadores foram construídos pelo Programa Na Mão Certa em parceria com a Txai Cidadania e Desenvolvimento Social, empresa de educação e consultoria que atua nas áreas de sustentabilidade e responsabilidade social. São parâmetros estabelecidos entorno dos compromissos assumidos pelas signatárias do Pacto Empresarial. O principal objetivo é o apoio na avaliação e na sistematização das ações e iniciativas tomadas pelas empresas. Através dele, consegue-se identificar o estágio em que as signatárias se encontram ao assinar o pacto, além de padronizar e tornar comparável as informações e dados das ações, processos e resultados relacionados aos compromissos com o programa.

No site www.namaocerta.org.br, há uma sessão de uso restrito para as empresas e entidades empresariais signatárias, onde está disponível o formulário eletrônico para que o Ponto Focal possa enviar os indicadores preenchidos para o Programa Na Mão Certa. Essas informações serão mantidas em sigilo e usadas apenas de forma consolidada e estatística. Além de enviar o resultado da avaliação para o programa, é importante que a empresa ou entidade empresarial também compartilhe interna e externamente seus avanços. Essa prática valoriza os esforços e contribui para engajar outros parceiros no combate a exploração sexual de crianças e adolescentes nas estradas e rodovias brasileiras.

“O Programa Na Mão Certa quer conhecer e reconhecer as boas práticas de todas as empresas signatárias. Também queremos compartilhar com toda a rede de empresas e entidades que nos apóiam os aprendizados, experiências e conhecimentos adquiridos através da implantação do programa”, explica Carolina Padilha. “Essa coleta de dados e troca de informações contribuem diretamente na ampliação das iniciativas de enfrentamento da exploração sexual de crianças e adolescentes nas rodovias brasileiras. Contamos com a colaboração e o compromisso de todos para fazer desse programa uma ferramenta eficaz no enfrentamento de um problema tão grave em nossa sociedade”, completa.

Atenção!
O prazo para preenchimento do formulário online sobre indicadores termina no
dia 31 de dezembro,
para todas as empresas signatárias!
Se sua empresa ainda não o preencheu, acesse e informe-se.

 

  Leia também  

Conquistas e novas metas
Childhood Brasil recebe a Medalha Mérito do Transporte
Riocentro sedia o mais importante encontro sobre exploração sexual de crianças e adolescentes
442 empresas foram alcançadas por Pacto Empresarial
Programa lança segunda edição da Revista Na Mão Certa
Almoço empresarial reuniu Ministro e grandes empresários
II Encontro Empresarial reforçou compromissos e aumentou expectativas
Guia do Caminhoneiro foi uma das grandes ferramentas em 2008

 

Voltar