Programa Na Mão Certa

Empresas de papel e celulose se unem contra a exploração sexual de crianças e adolescentes nas estradas

No último dia 17, as empresas Aracruz Celulose, Suzano Papel e Celulose e Veracel Celulose assumiram publicamente a união de esforços para enfrentar a exploração sexual de crianças e adolescentes nas rodovias brasileiras. O evento aconteceu em Porto Seguro (BA), onde também foi assinado um termo de cooperação entre as três empresas e o Programa Na Mão Certa.

A união das companhias fortalece as iniciativas individuais e amplia as ações com os parceiros que atuam no transporte rodoviário. As empresas também se comprometeram a disseminar boas práticas e a criar mecanismos de relações comerciais que estabeleçam compromissos dos fornecedores com os princípios do Pacto Empresarial.

Segundo Ricardo Mastroti, especialista em sustentabilidade da Aracruz Celulose, esta é mais uma iniciativa que vai ao encontro dos compromissos de responsabilidade social da empresa. “Reforçamos a nossa presença e responsabilidade em nossa cadeia de negócios e na comunidade, contribuindo para segurança nas estradas e uma melhor qualidade de vida”, afirmou.

Para a Suzano Papel e Celulose, o Pacto Empresarial é mais uma forma da empresa se posicionar de forma ágil e coerente perante as demandas da sociedade. “Iniciativas de apoio à cidadania, reintegração social, serviços comunitários, voluntariado e incentivos à solidariedade são ações que fazem a Suzano ser reconhecida por sua preocupação social. Fincamos bases sólidas para crescer de forma responsável, sempre exigindo o respeito à legislação social, trabalhista e ambiental em todos os níveis”, afirma Luiz Cornacchioni, gerente de relações institucionais da Suzano.

O forte compromisso social da Veracel Celulose para com seus colaboradores e as comunidades de sua área de atuação leva a empresa a investir em ações como essa. “Dentro da nossa cadeia de valores, queremos que empresas parceiras implantem ações que possam contribuir na luta contra a exploração sexual infantil, como uma forma de zelarmos pelas gerações futuras, reforçando a visão sustentável da empresa. Ao assinar o pacto, a Veracel Celulose reafirma seu comprometimento com as partes interessadas em trabalhar em prol do enfrentamento da exploração sexual de crianças e adolescentes”, declarou o consultor interno de meio ambiente, Luiz Quaglia.

Durante evento, que contou com a participação de clientes e parceiros das empresas, foram apresentados casos de sucesso de ações de enfrentamento ao problema. As transportadoras Binotto, Gafor e Julio Simões, parceiras comuns das empresas de celulose e papel, mostraram boas práticas implantadas desde a assinatura do Pacto Empresarial e os resultados já alcançados. Carolina Padilha, coordenadora do Programa Na Mão Certa, também participou do evento, apresentando o programa, os objetivos e as expectativas em relação a esse compromisso.

 

  Leia também  

Confenar mobiliza revendas Ambev e empresas de logística e distribuição sobre Programa Na Mão Certa
Holcim reforça compromisso com Pacto Empresarial em evento sobre segurança
De olho no assunto - resumo das principais notícias

 

Voltar