Programa Na Mão Certa

Ceará tem 72 pontos vulneráveis à exploração sexual de crianças de adolescentes

A Polícia Rodoviária Federal identificou 72 pontos de risco de exploração sexual de crianças e adolescentes nas estradas do Ceará. Esta informação consta de uma pesquisa nacional realizada com apoio da OIT – Organização Internacional do Trabalho – que mapeou 1.819 pontos vulneráveis nas rodovias brasileiras. Com base nesses dados, divulgados no primeiro semestre, a PRF está realizando ações preventivas e repressivas no país.

Dos 72 pontos vulneráveis identificados no Ceará, 39 se localizam em bares; 35 em áreas urbanas; 35 em áreas rurais; 27 em restaurantes; 24 em postos de combustível; sete em motéis; quatro em boates; quatro em postos fiscais e três em outros lugares. Os pontos mais críticos são a BR-116 e a BR-222.

Na mesma pesquisa realizada em 2006 foram identificados 55 pontos. A PRF ressalta que o aumento do número de pontos em comparação com anos anteriores não expressa necessariamente que o problema tenha se agravado. Isto se deve à melhoria na estrutura do órgão e ao aumento do número de policiais envolvidos na pesquisa.

Na lista de pontos vulneráveis, o Ceará aparece em nono lugar entre os estados. Fica atrás, no Nordeste, apenas do Rio Grande do Norte. Entretanto, a PRF esclarece que a quantidade de pontos identificados não está diretamente relacionada à gravidade do problema. O mapeamento indica os locais em que o crime pode ser praticado.

Notificações

Dos 1.819 pontos vulneráveis nas estradas brasileiras, em torno de 1.400 estão sendo notificados desde outubro, informou o coordenador de controle operacional do DPRF (Departamento de Polícia Rodoviária Federal), inspetor Alvarez Simões. Ficam de fora os que não têm responsáveis identificados, como praças e entroncamentos rodoviários.

O objetivo é solicitar que colaborem no enfrentamento do crime e advertir sobre as penalidades legais aos exploradores e cúmplices. Os patrulheiros rodoviários receberam a determinação de solicitar a esses comerciantes que, ao terem conhecimento do crime, façam a denúncia pelo Ligue 100 (Disque-Denúncia Nacional) ou pelo telefone do posto mais próximo da PRF.

O risco está não apenas nas rodovias que cortam o Ceará, como também na capital. Fortaleza foi identificada como uma das rotas do turismo sexual no país. O Ceará ocupa o 13º lugar no ranking nacional de denúncias telefônicas contra a exploração sexual de crianças e adolescentes. De janeiro a agosto, foram registradas, em Fortaleza, 86 denúncias e, em todo estado, 107.

Com informações do Diário do Nordeste e de O Povo.

Ceará, imagem de satélite.
MIRANDA, E. E. de; COUTINHO, A. C. (Coord.). Brasil Visto do Espaço.
Campinas: Embrapa Monitoramento por Satélite, 2004.
Disponível em: www.cdbrasil.cnpm.embrapa.br
Acesso em: 19 nov. 2007

 

  Leia também  

Primeira tiragem do Guia do Caminhoneiro atinge 80 mil exemplares
Reportagem sobre exploração sexual é indicada para Prêmio Esso
Más condições das rodovias preocupam caminhoneiros
Compromisso 2 – Participar continuamente de campanhas para erradicar o problema.
De olho no assunto – resumo das principais notícias

 

Voltar