Programa Na Mão Certa

Apoio Institucional: Gerdau

Líder na produção de aços longos nas Américas e uma das maiores fornecedoras de aços longos especiais no mundo, a Gerdau reforçou em 2012 o compromisso com o Programa Na Mão Certa. Signatário do Pacto Empresarial desde 2007, o grupo faz parte do conjunto de empresas que estão apoiando institucionalmente o Programa. Durante 2011, a Gerdau apresentou excelentes resultados de sensibilização de caminhoneiros em todas as regiões do Brasil.

O apoio deve-se ao fato da Gerdau acreditar que o crescimento de uma empresa está diretamente ligado às políticas e diretrizes de responsabilidade social. “Investimos no desenvolvimento de clientes e fornecedores por meio de programas de estímulo à excelência de gestão e ao empreendedorismo, criando valor compartilhado para toda sua cadeia”, explica Diogo Mac-Cord, coordenador nacional do Programa Na Mão Certa na área de logística da Gerdau.

Com uma série de ações conjuntas realizadas no decorrer de 2011, a Gerdau chegou ao impressionante número de mais de 74 mil motoristas sensibilizados com Programa na Mão Certa, um aumento de 38% em relação ao contingente impactado em 2010. “Os investimentos que foram realizados durante o ano de forma estruturada pela Gerdau são fatores fundamentais para o crescimento do Programa”, explica Diogo. “Principalmente no tocante ao capital humano, já que os projetos são executados por colaboradores voluntários que dedicam seu tempo e talento à sua implementação.”

O compromisso da Gerdau com o Programa Na Mão Certa se traduz em ações concretas, direcionadas aos motoristas e funcionários da empresa. Um exemplo é a Semana do Caminhoneiro, que acontece todos os anos, em comemoração ao dia do motorista. Durante uma semana, caminhoneiros que trabalham na cadeia de fornecedores do grupo participam de palestras e ações de promoção de saúde e bem-estar — como exames médicos e oftalmológicos gratuitos e cortes de cabelo — e entram em contato com o Programa por meio de apresentações e materiais de divulgação.

“O Programa tem uma metodologia que agrada muito aos motoristas, uma vez que trabalha com questões preocupantes como segurança e saúde nas estradas”, salienta Diogo. “Vamos continuar disseminando o Programa em nossas plantas, clientes e fornecedores, aumentando assim a nossa atuação no enfrentamento da exploração sexual de crianças e adolescentes nas estradas”, almeja.

 

  Leia também  

Da coordenação: ações continuadas perpetuam valores ligados à causa
Senado aprova projeto de lei que regulamenta a profissão de motorista
Ação Empresarial: Air Tiger
Ação Empresarial: Rovan
Ação Empresarial: C&A
Globo Estrada Na Mão Certa
De olho no assunto - resumo das principais notícias

 

Voltar